sexta-feira, 31 de outubro de 2008

Em Dia Mundial da Poupança…ideias para poupar tempo e paciência

1. Deite fora a ideia de que tem que chegar a tudo e todos. Estabeleça uma lista de prioridades, em lugar de se deixar afogar nesse mar de culpas.
2. Sacuda o medo do conflito. Vá directo ao assunto, sejam quem for o interlocutor. Diga o que pensa e resolva depressa o assunto e poupa as úlceras.
3. Durma muito e sem remorsos. Leia o livro da especialista do sono Teresa Paiva, e confirme que dormir é ganhar tempo, porque sem o sono em dia o seu cérebro não dá uma para a caixa.
4. Não ature pessoas que não lhe dizem nada. A vida é demasiado curta para isso.
5. Coma menos, mas o que lhe dá prazer, porque senão vai acabar por comer o que lhe dá prazer e o que não dá…
6. Faça exercício porque um metabolismo alto afasta o frio.
7. Relativize tudo. Numa perspectiva cósmica que importa esta crise? E se as crises são inevitáveis então esta já está aviada, e podemos preparar-nos para a prosperidade que se lhe segue.


Ideias para poupar tempo e paciência / Isabel Stilwell. In: Destak. Edição 1023. Ano 7 (sexta-feira, 31 de Outubro de 2008)

quinta-feira, 2 de outubro de 2008

Acreditar...


Não quero soluções, quero a ambição, a força.

Não quero planos, quero concretizações.

Não quero hipócrisia, quero a naturalidade em cada palavra e a cada gesto!

Não quero mágoas, quero crescer mesmo com as desilusões.


Não quero mais do que acreditar…

Acreditar nas pessoas, acreditar na inocência, acreditar na bondade…

Acreditar que ainda é possível confiar, acreditar que nem tudo está perdido.

Acreditar que os nossos valores ainda têm grandeza e que valem a pena manter.


Para além de tudo, quero continuar a acreditar…

Acredito por mim e pelos que o merecem (mesmo que possam não o merecer).

Acredito por consciência e pela cabeça erguida que quero manter.

Acredito porque, acima de tudo, não sei viver sem acreditar.


U2 - Sometimes you can't make it on your own