Mensagens

A mostrar mensagens de Outubro, 2010

Há quem saiba ganhar com o avançar da idade...

Imagem

What's love

Youtube - What's love

"I love you" is so easy to say
But so many times it doesn't mean a thing
"I love you" could everything
As long as we don't know what love is
I think love is not in what we say, love is in what we do
And when we say we love we've got something to prove

What is love? (*4)

I think love is nothing but the truth
Something inside of me, something inside of you
Love is faith and loyalty
Love is sharing, love is to believe
I think that is what love could be
And so much more 'cause love is deep, love is deep

What is love? (*4)

I think love can be bold, love can be bear
Love can make you happy and lova can make you sad
Love can break your heart and love can hear your soul
(2 fois)

Love can die and... love can roll

Momentos de perda...

Nunca sei o que dizer em momentos de perda! Fico sempre triste e com um aperto no peito por ver o sofrimento daqueles que ficam, pois não consigo sequer imaginar a dor que sentem. Os que partem estão bem, estão finalmente em paz e sem sofrimento. Os que ficam demoram sempre o seu tempo a habituarem-se àquela ausência. Neste caso em concreto, um amigo perdeu os dois progenitores no espaço de um ano e eu tenho assistido de perto a muitos dos seus momentos de dor, de saudade e mesmo de medo, por receio de não estar a fazer o seu melhor para que o seu pai tivesse um final de vida com o mínimo de sofrimento possível e com o máximo de qualidade de vida. Quando as pessoas desistem de viver não há muito que se possa fazer, é apenas dar o melhor de nós enquanto cá andam! E agora, agora ele está em paz e espero que tu fiques bem em breve!
Muita força amigo!

Efeitos colaterais da...

Imagem
...crise! Essa gaja que anda a dar cabo da mioleira ao pessoal!  Eu não queria falar do assunto, juro que não, mas é inevitável! A "tal" da crise, os congelamentos e cortes nos ordenados e afins, crise p'ra aqui, crise p'ra ali, em qualquer que seja o tema da conversa surge sempre um comentário relacionado com ela! "Havemos de morrer assim, no mesmo sítio da carreira onde nos encontramos agora!", "Comprar roupa?! Ainda pensas em gastar dinheiro?! Olha que isto não está para folestrias!?",  "Estar para além do meu horário de trabalho?! Já foi tempo...Agora faço o meu trabalhinho e não quero saber do resto!"; "Que vamos fazer logo?! Qualquer coisa que não envolva muitos gastos...".
E é assim que está aqui pelas bandas. A malta anda irritada e impaciente com tudo e todos, anda tudo assustado, embora não o queiram admitir, a fazer contas a tudo o que gasta ou que pode vir a gastar, andam desmotivados com o trabalho, porque querem sempr…

It's true...

Imagem

Surround me, with your love...

Já alguma vez vos aconteceu sentirem falta de alguém, mesmo estando do seu lado?! A mim acontece-me de quando em quando...

A sério...

Imagem
...eu tento, juro que sim! E controlo-me e baixo a voz e deixo passar...
 E agora vou só ali respirar fundo e volto já!
(Que é para não me sairem disparates.)

Sunset

Medos e afins

Imagem
Tenho momentos de me deixar invadir por medos e inseguranças que me moldam o pensamento!  E nem sempre tenho a força necessária para os eliminar, apenas os deixo adormecer e no fundo sei que não demorará muito a voltarem. Aos poucos sinto que vou ganhando algum controlo sobre eles, mas ainda não chega! Preciso de força suficiente para os eliminar de vez. Preciso de conseguir viver, de amar e até mesmo de sonhar sem ficar insegura pelo que sou, sem fazer comparações constantes, sem duvidar do que sou, sem duvidar de que há quem goste de mim, quem queira estar comigo e que o faz porque quer! Sem ter medo do futuro, sem ter medo de amar de verdade e de me entregar, sem ter medo de vir a sofrer, sem ter medo de mostrar o que realmente sinto, mesmo que isso me faça sentir vulnerável, sem ter medo de viver! Não, não dá para continuar assim! Eu sei e não quero, luto com isso e vou vencendo algumas batalhas!  Mas falta ganhar a guerra...

Arrumações...

Ontem estive a arrumar umas coisas do sotão lá de casa! Fui lá buscar qualquer coisa que precisava e apercebi-me que a minha secretária estava assustadora! Portanto pus mãos à obra... E sabem que mais, soube-me bem...  Acho que serviu para arrumar os "dois sótãos que possuo"... :) A determinado ponto reencontrei coisas antigas, que já deveriam ter ido para o lixo há muito e tratei disso mesmo! Ficou com mais espaço, com muito melhor aspecto e mais importante ainda, sem estar ocupado com coisas desnecessárias! Era algo que já não fazia há algum tempo e apercebi-me que nos ajuda a distinguir o que é necessário, do que não tem qualquer valor, nem mesmo sentimental se é que foi esse o motivo pelo qual o guardamos. E assim é que deve ser em tudo na nossa vida, cada coisas no seu devido lugar, sem confusões.

In a bad day...

Imagem
(...) "Às vezes mais vale desistir do que insistir, esquecer do que querer, arrumar do que cultivar, anular do que desejar. No ar ficará para sempre a dúvida se fizémos bem, mas pelo menos temos a paz de ter feito aquilo que devia ser feito. Somos outra vez donos da nossa vida e tudo é outra vez mais fácil, mais simples, mais leve, melhor." (...)

Librarian by day...Bacardi by night

Imagem
Ahahahah!

Para quê negar?!

Imagem
Existem situações e momentos que me continuam a incomodar. Gestos que conectei com "significados meus" que mesmo querendo alterá-los, ainda não consigo. E tento, tento mesmo. Ignoro, abstraio-me, tento não dar importância. Mas sei que me engano, porque não consigo. São situações que ultrapassam a minha compreensão, provavelmente até tem a ver com alguma situação passada que vivi e que me fez olhar assim para elas. Não sei ao certo. E nesses momentos recolho-me, nem que seja por uns segundos, de forma inconsciente e inevitável! E embora saiba que com o tempo a sensação que me provocam se irá alterar, sei também que dificilmente deixarei de reparar nelas. Isso já me bastava...mas até lá... Há um velho ditado que diz "Olhos que não vêem, coração que não sente...", talvez seja mesmo verdade...

Às vezes... (#1)

Imagem
..."Às vezes, é preciso partir antes do tempo, dizer aquilo que mais se teme dizer, arrumar a casa e a cabeça, limpar a alma e prepará-la para um futuro incerto, acreditar que esse futuro é bom e afinal já está perto, apertar as mãos uma contra a outra e rezar a um Deus qualquer que nos dê força e serenidade. Pensar que o tempo está a nosso favor, que a vontade de mudar é sempre mais forte, que o destino e as circunstâncias se encarregarão de atenuar a nossa dor e de a transformar numa recordação ténue e fechada num passado sem retorno que teve o seu tempo e a sua época e que um dia também teve o seu fim." (...)