Coisas do passado...

Ouvimos várias vezes que o caminho é sempre para a frente e de nada nos adianta ficar agarrados ao passado! Sempre concordei com essa ideia. As experiências que vivemos só se vivem uma vez e são na maioria das vezes uma lição de vida, seja ela boa ou má, que nos fazem chegar onde estamos!
E por isso mesmo, tem dias em que me incomoda fortemente aquelas pessoas que passam o dia a queixar-se do que fizeram, ou de fulano e sicrano, pessoas essas com quem já nem se dão (ou se se dão ainda é por opção própria) e que ficam para ali a remoer no assunto! 
Eu consigo compreender, juro que sim, também já o fiz e ainda o faço um pouco, mas uso de todas as minhas forcinhas para parar com esses pensamentos que de nada me ajudam...
Pois bem, eu não quero saber! No meu caso deixo aqui o registo que não me interessa que me contem todos os vossos episódios da vida passada e como viveram este ou aquele acontecimento! Principalmente  os maus momentos... De certeza que se tiver que as saber, saberei a qualquer momento. 
Isto, por exemplo, nas relações tem que se lhe diga...
Ainda este fim de semana um casal me contava que foram ao cinema com mais um casal, que por acaso era o irmão dele e a mulher e que foi a primeira vez que saíram os quatro. E eis que, a nova namorada do meu amigo tem uma saída completamente espontânea quando passam ali na zona de Leça junto ao farol (o chamado 'quecodromo' pelo povo) e diz "Ai tantas vezinhas que eu fui feliz ali, nem é bom pensar"! Ai tão bom que foi o momento de silêncio que se fez sentir a seguir!
Foi um pormenor completamente desnecessário, nem para o (recente) namorado, nem para os 'cunhados' que estava a acabar de conhecer.
Há coisas que passaram e lá ficaram, não vale a pena trazê-las ao de cima sempre que nos lembramos delas e partilhá-las à frente de quem quer que seja...a sério que não!


Comentários

Mensagens populares deste blogue

Os melhores queijos frescos