Abandono de animais...

Há coisas que sinceramente me ultrapassam...
Hoje recebi, e não estou a exagerar, 8 emails a divulgar animais que foram abandonados e que precisam de um lar. Na maior parte deles vem mesmo a história de como foram abandonados, atirados para jardins de residências, largadas em frente ao canil, abandonados na rua, etc.
Cãos e gatos com semanas...como é que é possível alguém não se afeiçoar a um ser destes?!
Não compreendo...

Aproveito para deixar aqui algumas das fotos que me foram enviadas por email...





Digam lá se não são uma fofura...como é que alguém tem coragem de os abandonar e conseguir dormir descansados?! :(
Se tivesse condições ficava com um...mas acho que o meu rafeirinho não ia achar muita piada :))

Comentários

Ai... tão queridos!

Deixa lá, Elisabete, já ouvi histórias bem piores de abandonos...

Vou dar-te um e-mail para onde podes (e deves) reenviar esse tipo de e-mails: animais_portugal [arroba] googlegroups.com

(Substituir, como é óbvio, o [arroba] por @ - pus assim por razões anti-spam.)
Dina disse…
Tb não compreendo!! Quem me dera poder ficar com um para o acarinhar, mimar e amar...
Sílvia Maria disse…
Tens um mimo no meu blog
Joana disse…
Infelizmente, o "ser humano" ainda julga os animais como objecto, aniquilando a ideia que possam ser seres vivos. Os animais são isso mesmo seres, vivos, dignos de respeito, pelo menos.
Elisabete disse…
Gimbras: Desculpa lá a minha ignorância, mas devo reenviar para esse endereço porquê?!

Dina: Muitas das vezes a única coisa que eles pedem é companhia...

Sílvia: Já o fui buscar, obrigada :)

Joana: Ora nem mais, mas infelizmente essa visão parece estar muito longe da realidade!
Dexter disse…
Abandonar animais significa única e exclusivamente falta de carácter e de boa formação humana. Tenho dito!
LH disse…
Sabes, recentemente e depois desta terrível experiência com o Pinchas, percebi o quanto é possível ter um animal acima de qualquer tipo de condição vital.
Eu fui voluntário numa Associação de Defesa dos Direitos dos animais durante 3 anos.
Passava por lá várias vezes por semana. Assisti a situações completamente surreais!
Numa deles, andava eu e o Presidente a fazer umas obras, quando, num espaço de minutos, ouvimos o bater de um dos portões.
Quando viemos ver o que se passava, só vimos um carro a arrancar alta velocidade.
Abandonaram ali o cão!
Quando fomos ver os vídeos de vigilância, assistimos a um episódio comovente!
O dono a deixar o cão e ele a voltar para o carro. Ele insistia e o cãozito voltava novamente para o carro.
Naqueles momentos, voltei a interrogar-me sobre quem são realmente os seres racionais.
Um beijinho.

Mensagens populares deste blogue

Os melhores queijos frescos