Cuspir no prato que se come...


Tem sim, tem coisas que embora nos incomodem conseguimos facilmente ignorar, umas vezes é mais forçado do que outras, mas se percebermos que ignorar é a melhor resposta a dar, fica mais fácil de o fazer. Tem outras que nem com muito esforço lá vai, mesmo sabendo que o deveríamos fazer...mas é inevitável... Mexe-me profundamente nas entranhas aqueles que tendem a cuspir constantemente no prato que comem. Que agem por maldade, que são infantis e cínicos e pouco profissionais.
Vai uma cuspidela e dá-se uma hipótese, por consideração, por amizade. Vão duas cuspidelas e nova hipótese, ainda por amizade talvez, por pensar que foi um mau dia, qualquer coisa. Vão três, quatro, cinco...ah fod...! Que vá cuspir para o raio que o parta! 
Já chega de ignorar! Ou se veste a camisola, ou se salta fora...e já está mais do que na altura de o fazeres!

Comentários

Sílvia Maria disse…
Que badalhoquice vai nesse prato!!! :)

Mensagens populares deste blogue

Os melhores queijos frescos