A fugacidade da vida

Apercebo-me frequentemente da fugacidade da vida! Nada do que temos é certo e a dificuldade que temos quando falhamos no planeamento de alguma coisa, quanto a mim, vem dai.
Achamos que conseguimos controlar alguma coisa e passamos tempo (demasiado tempo) a tentar perceber como é que isso funciona, enquanto tudo se está a passar mesmo ali ao lado...
O que me parece mesmo, é que perdemos demasiado tempo a pensar no como fazer, como será, a tentar entender o que nos rodeia e tudo isso é tão pouco perceptível.
Pelo menos para mim! Cada vez percebo menos as pessoas que me rodeiam, o mundo em que vivemos, o que observo, o que ouço, etc. E por isso é que cada vez mais não tento sequer perceber, é uma perda de tempo! Ainda tentei perceber durante algum tempo que tipo de sentimento é que isso me provoca mas decidi nem sequer tentar perceber...
É mesmo melhor tentar aproveitar cada momento, sozinha ou com aqueles de quem gosto e que sei valerem a pena...afinal de contas, o que é hoje, amanhã deixa de ser e até lá o que importa é sabermos aproveitar da melhor forma!

Comentários

Nokas disse…
Falta-nos viver mais...
Gostei deste texto :)

Mensagens populares deste blogue

Os melhores queijos frescos