Desilusões



"Quanto mais eu conheço determinadas pessoas, mais eu sorrio como se não houvesse nada errado, falo como se tudo estivesse perfeito, ajo como se eu estivesse em um teatro e finjo que nada está me magoando.

Não merecem saber quem eu realmente sou..."

É verdade que é raro, mas acontece-me!
E o erro provavelmente é mesmo meu, crio demasiadas expectativas nas pessoas de quem gosto! Isso completando com o facto de continuar a ser ingénua em tantos pormenores e a continuar a acreditar que as pessoas retribuem da mesma forma que recebem (you wish)!
E depois fico é mesmo aborrecida por lhe dar tanta importância...(se calhar é porque me importo com as pessoas não é verdade?!)...
E mais uma vez, bastam-me uma dúzia de situações que me magoem, mesmo que eu o negue, para me fazerem ter vontade de não sair da minha concha! E o certo é que mesmo tentando evitá-lo, já não consigo, já me isolei!
I will be back! ;)

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Os melhores queijos frescos