Sucesso no trabalho...

..."Se os seus valores estão desligados ou explicitamente comprometidos pelo seu trabalho...a solução é deixar esse emprego. Ficar pelo dinheiro ou pela segurança é um mau negócio a longo prazo. Irá roubar o melhor que há em si."

Segundo o que tenho lido sobre este tema, o segredo passa por descobrirmos o que não gostamos de fazer, focando-nos nos nossos pontos fortes e a partir dai expandi-los o mais que pudermos.
São quatro os sentimentos que podem resultar ao fim de um determinado tempo em que fazemos algo que nos desagrada: tédio, falta de realização pessoal, frustação e um sentimento de esgotamento.
Nenhuma delas agradável, mas todas com solução. Basta ter-se determinação e força de vontade, começando por tentar mudar pequenas das nossas funções, acabando por optar por uma completamente nova.


"(...) lembre-se de que o seu sucesso sustentado depende da sua capacidade de eliminar da vida profissional aquelas actividades ou pessoas que o desviam do trilho dos seus pontos fortes. 
(...) será sempre a sua responsabilidade fazer aqueles pequenos, mas importantes, ajustes de percurso que lhe permitirão manter a sua melhor contribuição para essa equipa e para o futuro melhor que ela está encarregue de criar. Quanto melhor fizer isso, mais valorizado e bem sucedido será."(...)

Por Marcus Buckingham no livro Gestor de Sucesso. 

Comentários

Sílvia Maria disse…
Agora tive a confirmação que estou mesmo frustrada com o meu trabalho :D
Gostei do texto!!
Elisabete disse…
Sílvia: Já somos duas...
O pior é mesmo mudar! É giro dizer, "basta mudar", despede-te, faz o que gostas e tal...o pior é fazê-lo e viver de ar e vento!!

Gimbras: Também achei...
Já segui esse conselho ene vezes. Mas a idade... começa a não ajudar...
Dexter disse…
Cada vez compreendo mais essas palavras!
Sílvia Maria disse…
Vontade não me falta e olha que...ja tive mais longe!

Um desafio no meu blog p ti
Elisabete disse…
Gimbras: Não deixes que a idade te impeça de mudares a tua vida e de fazeres o que gostas. Nunca é tarde...seja para o que for!

Dexter: Infelizmente a percentagem daqueles que fazem o que gostam e se sentem realizados por isso é bem inferior àqueles que pensam/querem/precisam de mudar...

Sílvia: Força ai rapariga! Estou contigo!

Obrigada pelo desafio!

Mensagens populares deste blogue

Os melhores queijos frescos